O que fazer em Florianópolis em dia nublado, chuvoso e frio.

  • 23/05/2016
O que fazer em Florianópolis em dia nublado, chuvoso e frio.

Informações:

O que fazer em Florianópolis em dia nublado, chuvoso e frio ...

Todo mundo vem a Florianópolis por causa de suas praias mas é necessário ter um plano B para em caso de dias nublados, chuvoso ou frios , segue algumas dicas:

Visita ao palácio Cruz e Sousa

Conhecido na cidade como Palácio Rosado este fica próximo a Praça XV de Novembro, uma construção colonial que foi modificada no fim do século 19. As salas conservam a aparência do inicio do século passado, justificando a denominação de Museu Histórico de Santa Catarina.  

Horário de funcionamento: De Terça a Sexta-feira 10h às 18h e Sábado, Domingo e Feriado das 10h às 16h. O ingresso custa R$ 5,00.

Casa da Alfândega

A casa abriga trabalhos de aproximadamente 400 artesãos de várias regiões do estado, numa demonstração das várias etnias colonizadoras com suas habilidades genuínas.

Uma das atrações da galeria é manter artesãos demonstrando diariamente suas mais variadas técnicas, onde o visitante pode conhecer de perto a elaboração e confecção das peças.

O local é referência e registro da sabedoria popular; é um ponto de disseminação cultural também na área do turismo; e é um centro de referência cultural do saber fazer do povo catarinense.

Fica próximo ao Mercado público que é a maior atração do centro histórico. 

Horário de funcionamento: Segunda à sexta-feira 9h às 18:30h e Sábado das 9h às 12h.

Mercado público

O Mercado Público de Florianópolis é um dos principais pontos turísticos da cidade. Valorizado como patrimônio artístico, histórico e arquitetônico da Ilha de Santa Catarina.

No Mercado Público as lojas funcionam de Segunda à Sexta-feira das 7h às 19h e Sábado 7h às 14h, os bares atendem de Segunda à Sexta-feira até as 22h e Sábado até as 17h.

Fortaleza de São José da Ponta Grossa

Sua arquitetura é rica em elementos construtivos e é a única fortaleza em que a Capela permanece entre os demais prédios.

Há três fortalezas importantes que defendiam a Ilha de Santa Catarina. Duas delas tem acesso apenas por barco: as fortalezas de Santa Cruz de Anhatomirim e a de Santo Antonio de Ratones. Mas existe uma que pode ser visitada de carro: a fortaleza de São José da Ponta Grossa, na Praia do Forte, a 25km da Beira-Mar Norte.  O acesso é pelo canto esquerdo d a praia de Jurerê Internacional.

A Bateria de São Caetano e a Fortaleza de São José da Ponta Grossa formam um dos mais belos cenários paisagísticos da Ilha de Santa Catarina. A Fortaleza foi tombada pelo Patrimônio Histórico e Artístico Nacional em 1938, restaurada em 1992 quando passou a ter sua gestão sob a direção da Universidade Federal de Santa Catarina.

Horário de funcionamento: Diariamente das 9h às 17h.

Santo Antonio de Lisboa

O vilarejo de Santo Antônio de Lisboa um dos primeiros povoados açorianos da ilha.

Com presença de lindos artesanatos da ilha e excelentes restaurantes a beira do mar vale muito a pena conhecer.

Projeto TAMAR

Para minimizar os efeitos predatórios da pesca sobre as tartarugas marinhas, o Projeto Tamar instalou, em 2005, a sua base na região, o Tamar Floripa, na praia da Barra da Lagoa, distante 25 km do centro de Florianópolis, na costa leste da ilha.

O Centro de Visitantes, também implantado na área da base, auxilia no trabalho de conscientização e educação ambiental de visitantes, comunidades e pescadores. Conta com infra-estrutura que inclui cinco tanques de observação com exemplares de quatro das cinco espécies de tartarugas marinhas que desovam no Brasil, sala de vídeo e exposições, espaço infantil e loja para venda de produtos Tamar.

Horário de atendimento:  Diariamente 9:30 às 17h. O ingresso custa R$ 10,00 e crianças e estudantes pagam R$ 5,00.

Costa da Lagoa

A travessia à Costa da Lagoa, um povoado isolado na margem interior da Lagoa da Conceição, num ponto acessível apenas por barco ou por trilha de uma hora.

Você só precisa ir até a Lagoa da Conceição e pegar um barco da cooperativa as margens da ponte e eles iram leva-lo até a Costa da Lagoa. Leva em torno de 30min e vale um autentico passeio de barco. As embarcações saem de hora em hora nos dias de semana e de meia em meia hora no fim de semana. A travessia ida e volta custa em torno de R$15,00 por pessoa.

Ribeirão da Ilha

Este vilarejo era visitado apenas por sua herança açoriana, de lá para cá, tornou-se o maior polo de cultivo de ostras em Florianópolis. Hoje o Ribeirão da Ilha é um centro gastronômico.

Shoppings

Existem vários shoppings em Florianópolis que auxiliam os turistas em dias chuvosos. O mais central é o Shopping Beira-mar que fica na Beira-Mar Norte, no bairro Santa Monica temos o Shopping Iguatemi e para norte da ilha temos o Floripa Shopping.

Beto Carrero World

Em torno de 120Km de Florianópolis o Beto Carrero World é uma excelente alternativa. Antes de programar o passeio consulte o calendário de funcionamento do parque.

A melhor estratégia para aproveitar o parque é ir aos brinquedos no período da manhã, pois, a partir do almoço iniciam os shows assim você aproveita muito mais as atrações.